[Notícias][6]

Pagamento excessivo de 13° pela Câmara beneficiou irmã de ex-prefeito, “irmão” de ex-presidente e ex-vereador

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livreO pagamento excessivo de 13° salário pela Câmara de Mossoró em 2016 beneficiou parentes de ex-chefes do executivo e legislativo, além de um ex-vereador.

De acordo com dados do Portal da Transparência da Câmara, a irmã do ex-prefeito Silveira Júnior, Munique Bessa, o “irmão” do ex-presidente da Casa Jório Nogueira, Zildevan Sanches, e o ex-vereador Júlio César receberam 140% de 13° no ano passado, juntamente com outras 19 pessoas.
Munique teve um benefício “especial” de R$ 800,00, Júlio César de R$ 1.400,00 e Zildevan de R$ 1.820,00, referente aos 40% do 13° pagos em junho de 2016, mas que não foram levados em conta em dezembro, quando a Câmara pagou 100° do 13° a todos eles.

A lista de beneficiados inclui ainda uma prima de Silveira Júnior e outras pessoas de confiança de Jório, que ocupavam cargos comissionados. No geral, o prejuízo da Câmara foi de quase R$ 20 mil com os pagamentos indevidos.

A atual presidente da Câmara, Izabel Montenegro (PMDB), prometeu que vai apuar o caso. “Já chamei o setor contábil pra averiguar”, afirmou.

Via: Blog do Magnos

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE