[Notícias][6]

JULHO AMARELO CONSCIENTIZA POTIGUARES SOBRE DANOS CAUSADOS POR HEPATITE S VIRAIS.Subdividida em cinco tipos (A, B, C, D e E), as hepatites virais são doenças infecciosas sistêmicas que afetam o fígado; doença age silenciosamente

Divulgação
Olhos amarelados representam um dos sintomas da doençaRedação

De autoria do deputado estadual Nelter Queiroz (PMDB), a lei nº 9.969/2015 instituiu o Mês Julho Amarelo no Calendário Oficial do Estado do Rio Grande do Norte, com o intuito de conscientizar a população potiguar sobre os danos causados pelas hepatites virais à saúde humana.

Subdividida em cinco tipos (A, B, C, D e E), as hepatites virais são doenças infecciosas sistêmicas que afetam o fígado. Agindo no organismo de forma silenciosa, as hepatites virais nem sempre apresentam sintomas, mas quando surgem podem vir acompanhadas de cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. Boa parte da população brasileira é portadora dos vírus B ou C, mas não tem conhecimento sobre o problema.


Deputado estadual Nélter Queiroz (PMDB), autor do projeto que instituiu campanha – Foto: Divulgação
Preocupado em efetivar a campanha, ainda no mês de junho o parlamentar propôs que o Governo do RN, através da Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP), reforce durante todo o mês de julho a prevenção das hepatites virais através de campanhas educativas para a população. “Esta Lei tem um grande alcance e importância social, pois busca oportunizar o acesso da sociedade a informações primordiais sobre estas doenças que agem silenciosamente em nosso organismo”, destacou Nélter.

Agora RN

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE