[Notícias][6]

Como a PF viu digitais de Geddel nos R$ 51milhões

Geddel com seu amigo Henrique Alves
Considerada pela Polícia Federal como a maior apreensão de dinheiro vivo na história do Brasil, a operação que encontrou R$ 51 milhões em um apartamento em Salvador levou à cadeia o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA). O Fantástico teve acesso à investigação da PF que rastreou quem colocou a mão nesse dinheiro e conseguiu identificar a impressão digital de Geddel e de dois ex-assessores do peemedebista.

Antes de ser preso em setembro suspeito de ser o dono do dinheiro encontrado no apartamento, Geddel já havia sido detido pela Polícia Federal no dia 3 de julho, por suspeita de atrapalhar investigações da Operação Cui Bono, que apurava desvios na Caixa na época em que ele era vice-presidente de Pessoa Jurídica, durante o governo de Dilma Rousseff.

Blog do Primo

www.blogclaudiooliveira.com

O seu portal de notícias!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE