[Notícias][6]

"JUSTIÇA"
"PREFEITÁVEL"
"Religião e Política"
´Polícia
2014
Ação Social
acidente
Advogado(s)
AGENDA DE HENRIQUE ALVES
AGENDA DOS CANDIDATOS
Agricultura
ANIVERSARIANTE DO DIA
Apodí
Aposentados
Aposentados...
Artísta
Artístas
Assalto(s)
Assu
Ator
Atriz
Bancos
Bancos/Financeiras
BELEZAS
BLO
Blogueiro
BRASIL
Brasília
Câmara dos Deputados
Câmara e Senado
CAMARA FEDERAL
CÂMARA FEDERAL
CÂMARA FEDERAL/SENADO FEDERAL
Câmara Municipal
CAMPANHA
Cantor
Cantora
cantores
Caraúbas
Carnaval
Celebridades
Chuva
Cidades
Ciência
Comunicação
Comunicado
Concurso Público
Congresso
Consumidor
CONVITE
COPA DO MUNDO/2014
Correios
CORRUPÇÃO
COTIDIANO
crime
Cultura
Curiosidades
Cursos
DADOS
Datas Comemorativas
Debate ao Governo
Debate Presidencial
Defesa Civil
DENÚNCIA
DEPUTADA FEDERAL
Deputado
Deputados Estaduais do RN
Dia a dia...
Dicas
Dilma
Drogas
Economia
Econômia
educação
Educadores
Eleições
Eleições 2014
Eleições 2014/RN
Eleições 2016
Eleições Municipais 2016
Eleições Municipais Segundo Turno
Eleições Presidencial
Eleições Suplementares
Emenda Parlamentar
Emprego
ENQUETE
Ensaio
Esporte
Estatísticas
Evento
EVENTOS
EX DEPUTADO
Ex governador
Ex Ministro
Ex Prefeito(a)
Ex presidente
Facebook
Famosos
Felipe Guerra
Feriados
FESTAS
Forró
Futebol
Gerais no RN
Governador
Governador do RN
Governadores
Governo
Governo do RN
Governo Federal
Greve
Henrique Alves
Humor
Humoristas
Impeachment
Incendio
Incêndio
Industria
Internet
Investigação
IPVA
itaú
ITAÚ/RN
Jogadores
Juiz(a)
JUS
Justiça
JUSTIÇA ELEITORAL
Leilão
Leis
LEVANTAMENTO
LEVANTAMENTO...
LGBT
LIGEIRINHAS...
Loteria
Martins
Médico
MENSALÃO
Ministro
Ministros
MMN
Mossoró
MP/RN
MPF
MPF/RN
MULTINÍVEL-MMN
Mundo
Mundo Animal
Natal
Natureza!
Nordeste
Nota de Esclarecimento.
Nota de Repúdio
Palestra
PATU
Pau dos ferros
Pesquisa
PIS/PASEP
Poder
Poder Legislativo Municipal
POL ROD ESTADUAL DO RN
POL TECNICA
POLICIA
polícia
POLICIA AMBIENTAL
POLÍCIA AMBIENTAL
Polícia Civil
Polícia Federal
Polícia Militar
POLICIA MILITAR DO RN
POLÍCIA ROD FEDERAL
POLÍCIAS
POLITICA
política
política do RN
Políticos
Políticos do rn
PREFEITÁVEIS
Prefeito
Prefeito(a)
Prefeitos
Prefeitura
Prefeituras
Presidenta
Presidente
Presidente da República
Presidente da República do Brasil
PRESIDENTE TEMER
Presídio
PRF
Processo Seletivo
Protesto
Protestos
Protestos...
PUBLICIDADES
Redes Sociais
Religião
Revista
Riacho da Cruz
Rodolfo Fernandes
Rosalba Ciarlini
Salário
Saúde
Saúde Pública
Seca
Secretário de Saúde
Secretário(a) de SPRN
Segurança Pública
Segurança Pública RN
Senado Federal
Senador
Senador(a)
Servidores do estado do RN
Servidores Federais
Servidores municipais
Severiano Melo
SOCIAL
STF
Taboleiro Grande
Tecnologia
Televisão
Trabalhador
Tragédia
Umarizal
vereador(a)
VEREADORES
Vestibular
Vice governador
Vice Presidente da República do Brasil
Vice-Prefeito(a)
VÍDEO
Violência

Falsa médica é presa preventivamente após insistir em enganar pacientes

Resultado de imagem para FALSA MÉDICAA Polícia Civil do Distrito Federal prendeu na noite de quarta-feira (20) por tempo indeterminado uma falsa médica suspeita de enganar pacientes e usar documentos falsos para retirar remédios tarja preta do Hospital de Base. Ela já tinha sido presa – e solta – outras nove vezes. A última foi em agosto.

Renatha Thereza Campos dos Santos foi detida chegando em casa, em Taguatinga. A mulher de 36 anos tinha acabado de chegar de uma viagem a São Paulo, quando foi surpreendida pelos policiais.

Ela é investigada desde 2011 pela polícia, apontada como falsa médica porque nunca passou por nenhuma faculdade do tipo.

A suspeita atendia na casa dela e na de pacientes. A polícia diz que ela chegou a prometer a cura do câncer em um dos casos e justificou o fato de ela sempre acabar solta porque a pena prevista para o crime não passa de dois anos.

“Nesses casos, a própria lei prevê que o autuado, assinando um termo de compromisso, de comparecimento ao Poder Judiciário, deve ser solto. O famoso termo circunstanciado”, declarou o delegado Fernando Fernandes.

Mesmo sendo pega diversas vezes, Renatha persistiu no crime. O novo caso ocorreu em outubro. Ela apresentou registro do Conselho Regional de Medicina (CRM) falso e receita forjada no Hospital de Base, onde conseguiu retirar 15 ampolas de morfina e 10 de um calmante tarja preta.

Uma servidora da Secretaria de Saúde só percebeu que ela não era médica mais tarde. Foi aí que foi à delegacia e denunciou. Só então, a polícia conseguiu na Justiça o mandado de prisão preventiva contra ela: o crime de venda ou administração de medicamentos de uso restrito é considerado mais sério. Prevê de 10 a 15 anos de prisão.

“Esses medicamentos oferecem grande risco à saúde e à vida das pessoas, se usados de forma errada, principalmente em sua dosagem. Entre eles, nós tínhamos várias ampolas de morfina”, continuou o delegado.

Para entrar no Base, ela ainda usou o nome de uma médica do hospital, que negou conhecer Renatha. Por isso, também foi presa por estelionato. Agora a polícia apura se outro funcionário ajudou a falsa médica e se ela fez isso mais de uma vez.

“Os nossos policiais tomaram conhecimento que ela estaria diversificando os negócios, os golpes. Estaria vendendo cotas fantasmas em cooperativas habitacionais. Fantasmas porque esses prédios, apartamentos, não existiam. Foram identificadas mais de 20 vítimas que teriam entregue à Renatha valores que variam de R$ 1 mil a R$ 5 mil a título de taxas de cooperativa e de documentos diversos.

Vítima que deu depoimento à polícia (Foto: TV Globo/Reprodução)
Uma vítima que não quis ser identificada comenta. “Envolvia de uma forma que a gente acreditava que a Codhab, o Programa Morar Bem ia dar o apartamento. Dentro do programa com pontuação, até inscrição da minha pontuação ela levou.” A vítima diz ter pagado R$ 1.310 em parcelas. Primeiro foram R$ 400 e o restante em outro dia.

 G1 DF.

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE