[Notícias][6]

Em crise, Natal é a terceira capital do país em gasto com pessoal e tem rombo previdenciário anual de 150 milhões

Dados recentes publicados pela imprensa mostram que, em relação a receita corrente líquida, Natal é a terceira capital com maior gasto com folha do país, perdendo apenas para Macapá e Florianópolis.

O rombo previdenciário também preocupa, conforme avaliação de técnicos consultados pelo Potiguar. A Prefeitura está colocando cerca de 150 milhões por ano em sua previdência, que conta com 18 mil beneficiários. A quantidade é maior, proporcionalmente, do que a do governo do RN.

Para equilibrar suas contas e parar de atrasar salários, terceirizados e fornecedores, a Prefeitura logo terá de fazer um ajuste e uma reforma previdenciária. A questão é saber se Carlos Eduardo Alves fará agora ou só quando seu vice Álvaro Dias assumir, na medida em que o atual prefeito tem mostrado o desejo de disputar o governo em 2018. Caso aconteça, deixará a prefeitura nas mãos do pemedebista no primeiro trimestre de 2018.

A crise municipal também está posta. É fundamental desarmá-la.

Por Daniel Menezes (O Potiguar)

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE