[Notícias][6]

Empresário critica salários de Poderes e sugere ‘reforma de privilégios’ no Brasil Para Haroldo Azevedo, altos vencimentos de membros de Assembleia, Tribunais de Justiça e de Contas, além do Ministério Público, ajudam para a crise fiscal do RN

Arquivo pessoal
Haroldo Azevedo, empresárioRedação

O empresário potiguar Haroldo Azevedo, dono de construtora homônima, expôs sua indignação, através das redes sociais, com o momento conturbado que o RN está passando diante da crise na segurança. Com os militares cobrando salários em dia para voltar ao trabalho, Haroldo destacou a importância de se ter esse controle no pagamento e aproveitou para criticar os altos valores que são pagos aos membros dos demais Poderes não só no estado, como em todo país.

“Antes da reforma da Previdência, acho que deveria ter sido feita a reforma dos privilégios. Não existe mágica em matemática. Não pode sobreviver nada que gasta mais do que ganha. São absurdos os salários, vantagens e privilégios de órgãos como as ALs, TJs, MPs e TCs. Como pode haver excesso de caixa de quase R$ 600 mi na Justiça e os humildes servidores públicos não terem o dinheirinho da ceia natalina?”, questionou.

Para Haroldo, o Rio Grande do Norte tem uma grande bala na agulha para conseguir melhorar sua arrecadação e, consequentemente, a qualidade de vida do seu povo, evitando problemas como o de atrasos no pagamento dos funcionários. Como exemplo, citou a possibilidade de lotear, com normas rígidas, a margem direita da Via Costeira (atualmente protegida por ser área de proteção ambiental), como aconteceu na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

“Bastariam 100 metros de fundos, por sinal já devastados. Seriam até recuperados. Área mínima do Parque. Teríamos dinheiro para construir escolas, hospitais, delegacias, postos de saúde, penitenciárias, armar as Polícias, enfim, para os investimentos necessários e o custeio prejudicado. Com inteligência, honestidade, criatividade e transparência o Brasil tem jeito sim!”, completou Azevedo.

Confira abaixo o desabafo do empresário na íntegra:


Pessoal,

De tanto ler e ouvir, senti necessidade de dar minha modesta opinião, neste grupo tão seleto.

Não é somente o RN que está falido não! É a quase totalidade dos Estados, Municípios e a Nação brasileira!
O governador não é o único responsável pelo que está acontecendo. Vcs esqueceram os governos desastrados anteriores?
Há muito que a folha de pagamento vem crescendo e comprometendo as finanças publicas. Como disse o deputado Cunha Lima, PB, antes da reforma da Previdência, tem que ser feita a REFORMA DOS PRIVILÉGIOS.

Não existe mágica em matemática. Não pode sobreviver nada que gasta mais do que ganha. São absurdos os salários, vantagens e privilégios de órgãos como as ALs, TJs, MPs, TCs, etc e etc, e demais castas do poder.
Como pode haver excesso de caixa de quase 600 milhões no TJ e os humildes servidores públicos não terem o dinheirinho da ceia natalina?

Enquanto isso, nós empresários, morremos de trabalhar, com muito risco, e lucramos muito pouco para sustentar todas essas mordomias. Quase 35 % do faturamento na forma de impostos.

E os políticos corruptos, que fazem as leis em benefícios próprios? Como pudemos mudar o cenário político em 2018? Como um nome novo na política pode tornar-se conhecido com apenas 35 dias de campanha de rádio e tv? Enquanto isso, os que detém mandatos estão diariamente na Tv Senado, Tv Câmara, TV Assembleia. E os milhões gastos pelas mídias governamentais? É uma luta muito desigual! Não tem como surgir novos nomes e ideias! Serão reeleitos os mesmos ladrões e corruptos, com raras exceções. O Fundo Partidário de 1.8 bilhões irá para os grandes partidos. Ainda temos um pouco de sorte por contarmos com as redes sociais…

Vejam como é injusto um humilde servidor público não receber um salário de miséria em dia, de pouco mais de mil reais e um membro das castas receber mais de 150 mil reais! É realmente revoltante!

Como mudarmos esse estado de coisas? É muito difícil!

Precisamos eleger pessoas sérias que tenham coragem de começar mudanças radicais, mesmo com medidas impopulares. Com certeza, político de um mandato só, pois vai contrariar muitos interesses.

Existe sim onde buscar dinheiro!
Porque somente as favelas podem invadir o Parque das Dunas e os manguezais? Porque não mudar a legislação e lotear com normas rígidas e critérios a margem direita da Via Costeira, sentido Natal-Ponta Negra, nos moldes do que foi feito e funciona na Barra da Tijuca? Bastariam 100 metros de fundos, por sinal já devastados. Seriam até recuperados. Área mínima do Parque. Teríamos dinheiro para construir escolas, hospitais, delegacias, postos de saúde, penitenciárias, armar as Polícias, enfim, para os investimentos necessários e o custeio prejudicado. Porque o Governo do Estado ser dono de um Centro de Convenções ou parte de grande área de terreno em Capim Macio e outros locais?

Com inteligência, honestidade, criatividade e transparência o Brasil tem jeito sim!

Haroldo Azevedo
Agora RN

www.blogclaudiooliveira.com

O seu portal de notícias!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE