[Notícias][6]

Arrecadação de ICMS no Rio Grande do Norte ultrapassa R$ 5 bilhões em 2017

Crédito da foto: ReproduçãoO valor é 5,1% maior que o arrecadado em 2016

O Rio Grande do Norte arrecadou R$ 5 bilhões com o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) em 2017. A análise da arrecadação de ICMS é um dos destaques da 30ª edição do Boletim dos Pequenos Negócios, que foi divulgada nesta quarta-feira (14) pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/RN).
Segundo o órgão, o valor é 5,1% maior que o arrecadado no ano anterior, quando o estado atingiu a arrecadação desse imposto da ordem de R$ 4,7 bilhões, aumento superior à inflação medida no período, que foi de 2,95%. Nos últimos cinco anos, o recolhimento de ICMS teve um crescimento nominal de 27,4%, de acordo com informações do Portal da Transparência.

O boletim também analisa o desempenho da balança comercial potiguar, que fechou o ano com um superávit de US$127,4 milhões, 27,3% a mais que em 2016. O saldo positivo é resultado de um crescimento de 7% nas exportações, que atingiram o volume de US$ 304,5 milhões, e a queda de 4,1% nas importações, que encerraram o ano com um total negociado de US$ 177 milhões. É o terceiro ano consecutivo que o Rio Grande do Norte apresenta redução das importações.

O informativo também faz um balanço do geração de postos de trabalho com carteira assinada no RN. De acordo com o informativo, que utiliza os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego, o mercado segue com tendência à recuperação. Apesar das variações ao longo dos últimos meses, com registro de demissões superiores às admissões em 2.851 postos de trabalho formal, em dezembro de 2017, ano que findou com um saldo positivo de 848 empregos.

O estudo é mensal e traz indicadores da economia potiguar capazes de influenciar direta ou indiretamente o segmento das micro e pequenas empresas. O material pode ser consultado na íntegra no portal www.rn.sebrae.com.br na seção “Boletim Econômico para MPE’s”.

De Fato

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE