[Notícias][6]

EM PORTO DO MANGUE/RN: Gestão do prefeito Sael Melo gera prejuízos de quase R$ 7 milhões aos cofres da Prefeitura


A cidade de Porto do Mangue que no final do ano de 2016 e início de 2017, estava arrecadando repasses dos royalties em média R$ 800 mil/mês. Os valores estão deixando de entrar na conta da Prefeitura desde os primeiros meses da atual gestão, após o prefeito Sael Melo trocar o escritório de advocacia que cuidava da ação judicial, a cidade já perdeu milhões e hoje só arrecada em média R$ 120 mil/mês.

A perda desses valores se deu após a mudança que o prefeito Sael Melo fez,  ao trocar o escritório de advocacia Paraguay Ribeiro Coutinho Advogados Associados que cuidava do processo, pelo escritório Souza & Cavalcante Advogados. Por cima Sael ainda deixou a Prefeitura com uma dúvida altíssima com o escritório ‘Paraguay’ que chega aos R$ 600 mil (referente a 3 meses de prestação de serviços), esse mesmo valor foi repassado indevidamente ao escritório contratado pelo prefeito Sael Melo.

De acordo com um processo [N° 0103343 78 2017 8 20 0100] de iniciativa do escritório de advocacia Paraguay Ribeiro Coutinho Advogados Associados que corre na Justiça contra a Prefeitura, tem o objetivo de reaver os valores (R$ 600) que foram desviados para o escritório contratado pelo prefeito Sael Melo.

Do Blog De Olho No Assu

www.blogclaudiooliveira.com

Aqui você fica bem informado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA UMA PESQUISA NO BLOGUE