Milhões e milhões de reais. A soma do patrimônio de todos os 27 governadores do Brasil, recentemente eleitos nos estados e Distrito Federal, é alta.
Segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral, treze declararam possuir um tesouro de mais de R$ 1 milhão.
No topo da lista dos mais ricos (pela declaração) está o governador do PSDB-MS, Reinaldo Azambuja, que soma um patrimônio de mais de R$ 37.850 milhões (incluindo apartamento, carros, joias, tratores e outros veículos agrícolas) – uma diferença milionária do “último” colocado, Waldez Góes, do PDT-AP, que declarou apenas R$ 15 mil (equivalente a uma casa em Macapá).
Em segundo lugar no ranking dos mais ricos está Robinson Faria (PSD-RN), que declarou ter mais de R$ 8,3 milhões, seguido por Confúcio Moura (PMDB-RO), com mais de R$ 6 milhões, Beto Richa (PSDB-PR) que soma mais de R$ 5,5 milhões.
Os governadores de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT-MG), e de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP) também estão entre os mais ricos.
LEIA MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI
Fonte: O Natalense

0 Comentários