O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, defendeu nesta quinta-feira uma legislação trabalhista diferenciada para o setor de agronegócio, ao mesmo tempo que afirmou que não é contra os direitos trabalhistas. Em entrevista à RedeTV!, Bolsonaro também disse que isentará do Imposto de Renda quem ganha até cinco salários mínimos e criará alíquota única de 20 por cento de IR para todas as demais faixas.

0 Comentários