Disseram que eu não chegaria lá, que eu era “deputado de um mandato só”. É que uma maçã não estragada incomoda a cesta tomada por velhos pensamentos.Felizmente os protagonistas disso tudo têm uma nova forma de pensar. Falo dos eleitores. Elas e eles estão atentos a tudo, acompanhando cada passo, cada atitude, cada voto.

Entre defender interesses individuais ou coletivos, fiquei com a segunda opção e fui reconhecido por isso.

Muito obrigado, Rio Grande do Norte, por renovar a confiança em mim. Comprometo-me, mais uma vez, a não decepcionar. Nossa voz continuará ecoando.(mais…)

0 Comentários