A morte de um cachorro, nesse domingo (23), após seis horas de viagem em um bagageiro de ônibus levantou dúvidas de como o transporte de animais deve ser feito. As instruções sobre o tema são de responsabilidade do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).O animal morto, de acordo com o laudo veterinário, era um buldogue francês, se chamava Totty e tinha um ano de idade. “Não foi permitido que o paciente viajasse dento do ônibus juntamente com a tutora”, ressalta o documento.(mais…)

0 Comentários