Reportagem de O Globo nesta quarta-feira(27) revela que a OAS pagou R$ 125 milhões em propinas e caixa dois em troca de apoio para obras entre 2010 e 2014 para 21 políticos, dentre eles, a prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini (PP).


De acordo com a reportagem, a então governadora teria recebido R$ 16 milhões em caixa dois da empreiteira, e este pagamento estaria relacionado a obras da Arena das Dunas.

Segundo O Globo, a delação foi feita por oito ex-funcionários que atuavam na “Controladoria de Projetos Estruturados”, o que seria o departamento clandestino da empreiteira.

A delação homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no ano passado era mantida até agora em sigilo.

À reportagem de O Globo, Rosalba disse desconhecer nesse sentido com a OAS.




0 Comentários