Agora na base governista, a deputada estadual Isolda Dantas (PT), que tentou já defendeu trabalhadores inativos e pensionistas, votou contra a categoria ontem, o quando uma emenda que estendia os mesmos direitos do aumento de 4,17% aos professores que não atuam mais e os que têm pensões. Do jeito que foi aprovado texto, os inativos saíram prejudicados e Isolda contribuiu pra isso.

DoBlogueRobsonPires

0 Comentários