O Centro de Detenção Provisória de Apodi, é a primeira unidade do Sistema Prisional do Rio Grande do Norte, a aderir ao programa do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), que tem como objetivo, avaliar habilidades e competências básicas de pessoas que não tiveram oportunidades de concluir os estudos na idade apropriada.As unidades prisionais do Estado, são orientadas a aderir ao programa por meio do Núcleo de Reintegração Social, da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap).
O exame é realizado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e foi publicado no Diário Oficial da União, com período de adesão nas unidades prisionais do Brasil, nos dias 08 à 19 de julho de 2019. As aplicações das provas acontecem entre os dias 08 e 09 de setembro deste referido ano.
É importante destacar, que as provas acontecem anualmente e a adesão para as redes de ensino, é voluntária. Os gestores interessados na aplicação do Encceja 2019, devem formalizar seu interesse ao Inep.
De acordo com o diretor do CDP, Márcio Morais, este ano foi construído mais uma sala de aula para trabalhar os projetos de ressocialização no campo da educação. “Preso bom é preso estudando e trabalhando. Na unidade prisional de Apodi, temos vários projetos de ressocialização através da educação”, enfatizou ele.


Fonte: O Câmera

0 Comentários