Por Paulo Tarcísio Cavalcanti (Blog Por Dentro do RN)
Como principais cidades do Estado, Natal, a capital do RN, e Mossoró, capital do semiárido – deverão encabeçar a lista de cerca de 50 municípios onde o PSL pretende disputar as Prefeituras com candidaturas próprias. É o que adiantou em entrevista o presidente do PSL no Rio Grande do Norte, coronel aviador Hélio Imbrósio Oliveira.

Presidente do PSL avisa que o PSL é o legítimo representante do presidente Bolsonaro no RN (Foto: Por Dentro do RN)

Nesse bloco também entram as cidades da Grande Natal. Dentre todas as cidades que merecerão tratamento prioritário, antecipou que uma está definida: Mossoró, onde o candidato será o médico psiquiatra e ex-candidato a deputado estadual no ano passado Daniel Sampaio. Para as demais, evitou citar nomes, inclusive para Natal.

Classificou as prioridades do partido no Estado em duas linhas: 1) a linha política e 2) a linha institucional.

Numa entrevista exclusiva a este informativo digital “Por dentro do RN”, Oliveira explicitou como prioridades politicas até 2020: 1) instalar-se em mais de 100 municípios: 2) Disputar o pleito majoritário em cerca de 50 municípios; e 3) disputar vagas nas Câmara Legislativas onde houver comissão provisória.

Nada à esquerda

No campo institucional, estimular a presença do governo Bolsonaro em todas as regiões do Estado, priorizando o desenvolvimento e, em consequência a geração de emprego e renda.

– Somos um braço do governo Jair Messias Bolsonaro no Rio Grande do Norte – afirmou.

Sobre alinhamento interpartidário, tudo está muito claro também:

– Nós não podemos – estamos proibidos por norma estatutária – nos coligar com partidos de esquerda, entre os quais o PT, PSOL, Rede, PV, PSTU e PCO.

0 Comentários