O prefeito Túlio Lemos, de Macau, registrou uma queixa-crime contra o blogueiro Leandro de Souza, que também é policial militar afastado, por supostas práticas de calúnia e injúria e ainda pedindo uma investigação contra o comunicador.De acordo com o blogueiro, Túlio estaria tramando assassiná-lo, mas procurado pelo Blog, Túlio prontamente negou a versão e disse que tudo isso pode ser parte de uma armação para que criminosos possam cometer um atentado contra a vida dele e de sua família, utilizando-se dessa mentira como motivação ou justificativa para um crime de extermínio disfarçado de vingança ou auto-defesa.

Túlio informou que está adotando todas as medidas legais cabíveis, que já procurou as autoridades competentes para formalizar a denúncia contra Leandro de Souza e também um pedido investigação minuciosa, urgente, rápida e rigorosa para apurar todos os fatos acerca do caso.

Segundo o prefeito de Macau, o blogueiro e policial afastado já responde a vários processos, incluindo calúnia, difamação, ameaça e agressão e que ele ficou conhecido na região por ter sido denunciado pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) acusado de comandar um esquema fraudulento envolvendo o seguro DPVAT [Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres] na cidade de Macau. Segundo a 1ª Promotoria de Justiça de Comarca de Macau, ele e mais três pessoas cometeram os crimes de estelionato, associação criminosa e falsificação de documentos para conseguir o viabilizar o benefício para supostas vítimas de acidentes. Na ocasião, a Justiça decretou o afastamento das funções.

BG

0 Comentários