Na véspera de sua 100° partida com a camisa da seleção, Neymar deu uma entrevista em que afirmou que sempre foi “um dos principais nomes” e um dos que “carregava tudo nas costas” na equipe. Rapidamente, o camisa 10 foi contestado pelas declarações, e agora decidiu rebater as críticas.Por meio de sua conta oficial no Instagram, Alex Bernardo, assessor de Neymar, publicou um texto com declarações feitas pelo jogador, que fez questão de atacar a imprensa.

“O que eu quis dizer e o que parte da imprensa – a turma dos que não querem entender – não admite é que tudo o que acontece de “ruim” na seleção brasileira nos últimos anos cai nas minhas costas. Mas já me acostumei com isso e sei que, enquanto estiver servindo a seleção, sou o alvo predileto”, afirmou.

“Não tenho a menor pretensão de ‘carregar a seleção nas costas’. Sei da minha importância, sei das minhas responsabilidades, mas nunca me vi nesse papel. Mas fica tranquilo, a maioria entendeu”, disse o jogador. “O recado foi pra alguns mal informados da ‘imprensa’. E eu entendo que sempre, tudo o que eu falar, vão levar pro lado errado.”

Neymar segue em Singapura, onde, neste domingo, às 9h (horário de Brasília), a seleção realiza amistoso com a Nigéria. Durante o treinamento deste sábado, o camisa 10 foi deslocado de posição, e pode exercer a função de armador no duelo contra os africanos.

Veja

0 Comentários