Foto: Divulgação/CBF

A verdade é que demorou um pouco mais que o esperado. E foi mais sofrido do que estava sendo desenhado. Porém, finalmente, a torcida do Sport pode soltar o grito de alívio. E bater no peito para dizer que está voltando “para casa”. Para a Série A do Campeonato Brasileiro. Uma divisão mais condizente com a história e as tradições de um dos gigantes do futebol nacional.Acesso que veio com a assinatura do artilheiro da Série B. Com dois gols, Guilherme, comandou a sofrida virada em cima da Ponte Preta na Ilha do Retiro por 2 a 1, e escreveu seu nome na história rubro-negra. O jogador mais decisivo da campanha leonina. Dono de 17 gols na competição.

Com o resultado, o Leão chegou aos 67 pontos e não pode mais ser alcançado pelo América-MG, 5º colocado, que soma apenas 58. A despedida da Série B será no dia 30, contra o Atlético-GO, em Goiânia. Mas a partir de agora é já pensar em 2020. Na elite.

Diário de Pernambuco

0 Comentários