Resultado de imagem para zicaO novo coronavírus monopoliza as atenções da mídia, no Brasil, mas há outros vírus por aqui que exigem preocupação. Entre 2015 e 2019, por exemplo, o Ministério da Saúde registrou 18.578 casos suspeitos do vírus Zika; 3.496 confirmados. Em 2019 houve queda acentuada, mas o Zika continua ativo: dos 1.462 casos suspeitos, só 72 ratificados. Recém-nascidos (77%) foram a maioria das suspeitas ano passado. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Em 2019 registraram-se dez mortes associadas ao vírus Zika no País, mas a taxa de mortalidade é bem menor que no coronavírus: 0,006%.

0 Comentários